Suspeitos de sequestro, estupro e morte queriam veículo; eles agiram desarmados - Gil Costa em Ação
ÚLTIMAS NOTÍCIAS :
Home » , , » Suspeitos de sequestro, estupro e morte queriam veículo; eles agiram desarmados

Suspeitos de sequestro, estupro e morte queriam veículo; eles agiram desarmados

Escrito por: gilberlania costa on quarta-feira, 1 de julho de 2015 | 00:19:00


 A Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social (Seds) apresentou à imprensa, no início da noite desta terça-feira (30), os dois suspeitos de envolvimento nos crimes de sequestro, estupro, homicídio e tentativa de homicídio, que tiveram como vítimas duas mulheres e um bebê de nove meses, em ato ocorrido no último dia 20. Os acusados foram identificados como Ivar Pedro da Silva e Leonardo José.

Na oportunidade, o secretário de Segurança, Claudio Lima, enalteceu o trabalho da Polícia Civil que desencadeou cerca de 30 agentes de investigação e três delegados, diuturnamente, no trabalho para elucidar este crime de repercussão nacional. Ainda de acordo com ele, o processo investigativo foi iniciado logo que a Polícia tomou conhecimento sobre o sequestro, ainda no dia 20.

A primeira prisão, de Leonardo Pedro, ocorreu no último final de semana, em João Pessoa. De acordo com o secretário Cláudio Lima, ele confessou a participação na ação criminosa, mas afirmou que apenas participou do sequestro, negando o envolvimento no estupro, homicídio e tentativa de homicídio ocorrido em canavial, na zona rural de Goiana (PE). O principal acusado, Ivar Pedro da Silva, foi detido nesta terça-feira, na cidade de Abreu e Lima, na região metropolitana de Recife (PE).

“Por enquanto, o que se sabe nas versões apresentadas tanto pelos criminosos, quanto pela vítima é que o criminoso que cometeu o estupro é o Ivar, que tem uma vasta ficha criminal, com processos na Bahia, na Paraíba, em Pernambuco, por latrocínio, por roubo, que estava preso até oito meses atrás e atualmente estava em liberdade condicional. Se tivéssemos uma legislação mais dura, esse criminoso não teria cometido essas atrocidades. Espero que agora ele fique na cadeia por muito tempo”, comentou Cláudio Lima.

Desarmado
Ainda durante a entrevista, o delegado superintendente da Polícia Civil da região metropolitana de João Pessoa, Marcos Paulo Vilela, o Ivar Pedro da Silva, principal suspeito de estuprar as duas mulheres e matar uma delas, estava desarmado no momento do crime. A motivação inicial dos criminosos era roubar o veículo das vítimas.

“Temos que considerar que eram duas mulheres, uma delas preocupada com o seu bebê, acreditando que ele estava armado. Ela não viu, mas não duvidou dele. Tem que considerar também que o suspeito, além de homem, tem uma condição física forte. Ele já havia agredido, ainda dentro do carro, fisicamente as vítimas. Inclusive, as amarrou, enquanto ele estuprava uma. Colocou na mala, inclusive amarrada, e estuprou a outra”, explicou.
Share this article :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

 
Support : A2 Comunicação Visual | Dinho Andrade
Agência Digital A2 Comunicação Visual
Copyright © 2016. Gil Costa em Ação - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Dinho Andrade