Cidade de Pilar é referência nacional no programa Mais Médicos - Gil Costa em Ação
ÚLTIMAS NOTÍCIAS :
Home » , , » Cidade de Pilar é referência nacional no programa Mais Médicos

Cidade de Pilar é referência nacional no programa Mais Médicos

Escrito por: gilberlania costa on quarta-feira, 18 de novembro de 2015 | 10:03:00


Moradores de Pilar (PB) fazem prevenção do câncer de próstata e de gravidez indesejada com profissionais do Programa Mais Médicos.


Pilar é um município paraibano localizado a 60km de João Pessoa, capital do estado da Paraíba. Antiga aldeia de índios Cariris e Coremas, é a terra natal do escritor José Lins do Rêgo e da cantadora de Cocos e Cirandas Odete de Pilar. Com uma população estimada em 11 mil habitantes pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o município conta com 2 médicas cubanas do Programa Mais Médicos. Sonia Espinosa Corvea, que atende a população da área urbana e Senia Santesteban Figueredo que atende a zona rural do município.


Além de especialista em Medicina Geral e Integral (que no Brasil é conhecida como Medicina de Família e Comunidade), Sonia Corvea tem também pós-graduação em Geriatria. Ela dá expediente na Unidade de Saúde da Família de Cruzeiro, no centro de Pilar. “Este tipo de trabalho é integral, é um tipo de medicina comunitária. Fazemos prevenção e promoção dos serviços médicos. Trabalhamos nas comunidades para modificar modos e estilos de vida. Não é fácil, mas eu gosto de desafios”, diz.


Sorridente, expansiva e afável, Sonia conquistou os moradores da região urbana do município. Rogério da Costa, paciente da médica cubana, é só elogios: “Quando ela não está aqui, está no outro posto lá em cima. Ela está sempre atendendo a população da cidade, sempre com cuidado, com um sorriso, dando atenção a todo mundo”.


O jeito amável e cuidadoso foi a arma da médica em novembro do ano passado quando, pela primeira vez, 34 homens moradores da cidade com sintomas urinários concordaram em realizar o exame de toque retal. Sonia se engajou na iniciativa Novembro Azul, uma campanha de conscientização dirigida à sociedade e aos homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata e de outras doenças masculinas.


“De todos os que vieram, doze deram positivo, e todos já foram encaminhados para urologistas, com diferentes tipos de tratamento: cirúrgico, citostático e com comprimidos. Agora que já fiz na minha área de abrangência, se puder eu vou estender a campanha para toda a cidade de Pilar”, conta.
O coordenador da atenção básica do município, Jankanderson da Costa, diz que havia muita necessidade de médicos compromissados com a carga horária e com o atendimento. “A gente tinha médicos que só vinham trabalhar dois ou três dias. Esse programa só veio a beneficiar a população brasileira e, especialmente, a nossa população pilarense”.


Na zona rural, médica cubana faz palestras sobre planejamento familiar e inserção de DIUNo distrito de Curimatau, a 10km do centro de Pilar, Senia Santesteban Figueredo trabalha o dia todo, fazendo em média 30 atendimentos de manhã e 30 à tarde. A médica cubana chegou à comunidade em março de 2014 e, no princípio, a população estranhou: “Eles estavam acostumados a uma medicina consumista. Não estavam acostumados a promoção, prevenção, a ser tocado por um médico. A cadeira ficava lá longe. Se estavam com gripe, queriam antibiótico. Queriam que a consulta fosse rápida. Eles estavam acostumados a que o médico em uma hora fizesse assistência de dez, quinze pessoas, e a gente trabalha de outro jeito. A gente faz medicina de família, medicina primária”, explica.


Tribuna do Vale
Share this article :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

 
Support : A2 Comunicação Visual | Dinho Andrade
Agência Digital A2 Comunicação Visual
Copyright © 2016. Gil Costa em Ação - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Dinho Andrade